Portal da Prefeitura de Campo Largo.

Prefeitura recicla lixo administrativo

Funcionários públicos são responsáveis pela separação do resíduo descartável do ambiente de trabalho em prol da preservação do meio ambiente.

Publicada em: 19/05/2017 às 17:20

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente reafirma campanha de prevenção ao meio ambiente com a separação correta dos resíduos sólidos comerciais, na busca da conscientização da importância da reciclagem do lixo que a prefeitura demanda. Para esclarecimento e atenção de todos os funcionários envolvidos, seguem orientações específicas quanto ao tema abordado.

 

 

A empresa responsável pela coleta no município é a Sanetran, contudo, está em processo de licitação a contratação de nova empresa. A Sanetran realiza a coleta dos resíduos domiciliares (de banheiros e orgânicos), recicláveis e de serviços de saúde - das Unidades Básicas de Saúde e do Centro Médico Hospitalar. Ressalta-se que cabe a cada secretaria o correto descarte de resíduos. A equipe de limpeza da prefeitura é orientada a realizar a coleta e destinação de maneira separada.

 

 

Despacho

Existe dentro do Centro Administrativo uma "casinha" destinada ao armazenamento dos resíduos recicláveis, que devem ficar em local seco e coberto até a sua coleta.

 

 

Neste local também são armazenadas as lâmpadas geradas pela prefeitura a serem destinadas à coleta (que deve ser realizada por meio da contratação de empresa específica para dar a finalização correta) e óleo de cozinha, onde os servidores podem trazer de casa. Este material é enviado às associações de catadores que fazem a venda para empresas que reciclam o óleo.

 

 

As coletas são realizadas nos seguintes dias na sede da Administração:

 

 

Reciclável – terças e sextas-feiras;

Domiciliar – segundas, quartas e sextas-feiras.

Notícias na mesma categoria

Elos da Sustentabilidade firma convênios, recebe caminhão coletor e amplia parceria
Secretaria de Meio Ambiente reúne-se com caçambeiros
Programa de coleta de óleo de cozinha
Elos da Sustentabilidade faz parceria com a Fundação Banco do Brasil
Óleo queimado é jogado nas águas do Rio Cambuí e Prefeitura apura o caso