Prefeitura Municipal de Campo Largo

Notícias
Saúde

7 agosto 2019, 09:36

Secretaria de Saúde promove o “Agosto Azul”, mês de atenção e promoção da Saúde do Homem

Ações públicas à população campo-larguense serão desenvolvidas em um mutirão de atenção à Saúde do homem, realizadas pela equipe da Secretaria de Saúde de Campo Largo. No sábado (17/08), técnicos da Saúde Municipal estarão no centro da cidade, na Praça Getúlio Vargas (Praça do Museu), das 9h às 17h, realizando a Caravana da Saúde, com orientações e informações sobre a qualidade de vida do homem, testes rápidos para HIV, sífilis e hepatite, cuidados com o corpo, importância da atividade física e da manutenção da saúde através de exames periódicos, informações sobre câncer de próstata, dentre outras.

Nos dias 20 e 22 de agosto, das 8h30 às 16h30, na sede da Perícia Médica (bloco 4 da Prefeitura de Campo Largo), serão realizados exames de sífilis, HIV e hepatite. É necessário levar o cartão SUS e o RG, para melhor organização.

A secretária municipal de Saúde, Chrystiane Chemin, explica que este ano, a Campanha chama a atenção, também, para os malefícios do uso do tabaco, um dos principais responsáveis pelas mortes das pessoas em todo o mundo. A discussão do tema tem como objetivo alertar para a importância da adoção de hábitos saudáveis de maneira que o curso da vida não seja interrompido precocemente.

As 18 Unidades de Saúde espalhadas pelos bairros do município, inclusive no interior, também desenvolvem ações especializadas na Saúde do Homem, gratuitamente.

Campanha – A Campanha Agosto Azul foi instituída no Estado do Paraná para que durante todo o mês de agosto fossem realizadas ações públicas dedicadas ao incentivo, à prevenção e à promoção da Saúde do Homem (Lei n° 17.099, de 28 de março de 2012).

O objetivo principal é motivar uma mudança cultural para que homens procurem atendimento médico e verifiquem sua condição de saúde com mais frequência, antes que doenças se manifestem de forma mais grave. Exames simples como testes para diabetes, hipertensão, HIV e hepatite estão disponíveis na rede pública de saúde e podem identificar enfermidades ainda em estágios iniciais.

O prefeito Marcelo Puppi ressalta que os serviços públicos prestados na área priorizam a qualidade de vida de cada cidadão. “Estamos sempre trabalhando em conjunto e destaco que a manutenção da saúde é o pilar que sustenta a vida de uma pessoa. Nossos equipamentos públicos estão sempre abertos, inovando no trabalho com o objetivo de fornecer a manutenção da qualidade de vida de nossa população”.